Mensagens

A mostrar mensagens de Janeiro, 2013

Escrita em si maior

Imagem
Se uma noite quebrar a luz, continua tu em direcção ao sol e ao silêncio das árvores onde pertences. Diz-me agora o que é real, agora perto e regressada. A chuva não te apagou a dor, aprendeste o inverno. Já não escondes o percurso das lágrimas, e continuas sabendo ser outro o teu.

Analogia

Imagem
Comparava-te a uma noite sem estrelas, não fossem os teus olhos. Comparava-te a um sono sem sonhos, não fossem as tuas palavras.

Sobre a apatia #1

Imagem
O sol derreteu-se nos limites da cidade, tingindo o mundo com um cintilante e pálido azul antes de o lançar na escuridão. É onde vives, e em tempos era o lugar onde dormias, sonhando com o que vai ser e coisas que nunca foram. Em tempos havia luz na escurecida paisagem ainda desconhecida, agora encontram-se apenas as entranhas de uma mente cansada; observas o horizonte com a suave apatia que abraças como o teu único refúgio.
A tua casa, o teu lar de repouso, onde o conforto se senta ao teu lado; o mundo dos outros há muito foi esquecido. O teu mundo é de uma beleza absoluta. Mas há morte aí. Nunca descanso.