Regresso



Regressa muitas vezes e toma-me, um sentir imenso. Regressa e toma-me quando a memória se desperte, quando o desejo passe pelo sangue, quando os lábios e a pele despertem e as mãos toquem de novo...

Regressa muitas vezes e toma-me de noite, à hora em que os lábios e a pele despertam.

Comentários

Maria disse…
quando o meu amor vem ter comigo é
um pouco como música,um
pouco mais como uma cor curvando-se
(por exemplo laranja)
contra o silêncio,ou a escuridão....

a vinda do meu amor emite
um maravilhoso odor no meu pensamento,

devias ver quando a encontro
como a minha menor pulsação se torna menos.
E então toda a beleza dela é um torno

cujos quietos lábios me assassinam subitamente,

mas do meu cadáver a ferramenta o sorriso dela faz algo subitamente luminoso e preciso

—e então somos Eu e Ela....

o que é isso que o realejo toca

[e.e.cummings]

Nas Asas do Desejo...
Contigo,
Damien disse…
Em voo planado, em sonhos apanhados. O relógio institucional mostra horas a fugir disfarçadas. O teu apetite aumenta. Uma música prestes a tocar.

Contigo,

Mensagens populares deste blogue

Lua em branco

Deslamento

Quatro