Não é segredo II



Não me perguntem para onde se deslocam os átomos do dia; alguém os preparou para enriquecer os cabelos. Não me perguntem mais onde cai a luz das estrelas; porque repousam nos seus olhos e nessa esfera permanecem. Não me perguntem mais pelo Este ou Oeste; é na direcção dela que sigo e no seu seio perfumado me encontro.

Comentários

Maria disse…
Nem sempre me incendeiam o acordar das ervas e a estrela despenhada

- Porém, tu sempre me incendeias.
Porque é de ti que me vem o fogo.

E em ti
principiam o mar e o mundo.

[Herberto Helder]

Em ti.
Tudo,
Damien disse…
De palavra em palavra
a noite sobe
aos ramos mais altos

e canta
o êxtase do dia.

[Eugénio de Andrade]

E tudo contigo.

Mensagens populares deste blogue

Lua em branco

Deslamento

Quatro