Zona crepúscular



Porque é que agora que estás suavemente desperto te toca assim a música?

Não é a sua boca, conheceu outras bocas antes; canta baixinho para as folhas depois da chuva. Não são os seus olhos, pois mergulhou frequentemente noutros olhos; apesar deles, sob o brilho amarelado do entardecer, serem janelas para um longo crepúsculo.

Comentários

Maria disse…
"Era como uma língua de fogo
no céu, como uma chama, como qualquer coisa faiscando
no crepúsculo. Ardia..."

Hans Magnus Enzensberger

E eu, contigo.
Tudo,
Damien disse…
E por vezes sorrimos ou choramos
E por vezes por vezes ah por vezes
num segundo se envolam tantos anos.

[David Mourão-Ferreira]

E por vezes sempre contigo.
Tudo,

Mensagens populares deste blogue

Verdade

Limpeza

Lua em branco