Esta noite, estou aqui



Estou aqui esta noite com o comando dos sonhos. Não ficarei por muito tempo. Olho para ti – nada vejo. Observo o modo como os olhos compreendem levemente cada momento e cada movimento. Deixas-te ir? Ou nunca estiveste em tal posição? Nunca ter conhecido a verdadeira identidade, é isto tão estranho que esta vida nada tenha que te interesse conhecer? Ponderas a questão, esperas que eu te devolva o controlo. As dúvidas tornam-se realidade, onde o medo tomou o papel principal.

Ao último segundo deixo de respirar, a possibilidade da rejeição tão próxima. Estas emoções que escondo e espero encontradas um dia por ti.

Comentários

MJ disse…
A partir de um certo ponto já não há retorno. Há que alcançar esse ponto.

Franz Kafka in, Considerações...
Damien disse…
Sim, caminho para esse ponto. É grande o desejo de o alcançar.

Um beijo,

Mensagens populares deste blogue

Lua em branco

Deslamento

Quatro