E real



Recordas-te da Alice no país das maravilhas, quando lhe explicam que ela existe porque o rei a sonha. Se o rei desperta, evapora-se como uma vela soprada. “Mas é verdade que existo”, diz Alice a chorar. Está também Platão, a sua alegoria da caverna. Está Descartes, e a possibilidade de que tudo não seja mais que um jogo.

Talvez no final apenas tenha sonhado que caminho junto a ti, se sonho que te amo, se sonho que sou eu que sonho que existes, que despertará no final do sonho? Se não existe nada mais que eu, não existe nada de mim.

Comentários

Anónimo disse…
o primeiro de todos os meus sonhos era sobre
um amante e o seu único amor,
caminhando devagar
...
E então este sonhador chorou:e então
ela rapidamente sonhou um sonho de primavera
onde tu e eu estamos a florescer

e.e.cummings
Damien disse…
it is at moments after i have dreamed
of the rare entertainment of your eyes,
when (being fool to fancy) i have deemed

with your peculiar mouth my heart made wise;
at moments when the glassy darkness holds

the genuine apparition of your smile
(it was through tears always)and silence moulds
such strangeness as was mine a little while;

moments when my once more illustrious arms
are filled with fascination, when my breast
wears the intolerant brightness of your charms:

one pierced moment whiter than the rest

-turning from the tremendous lie of sleep
i watch the roses of the day grow deep.

e.e.cummings

A florescer...
MJ disse…
O meu amor não cabe num poema
é maior que as palavras
não se deixa dizer
anda por dentro do silêncio a formular loucuras
com a nudez do teu nome

Esta manhã encontrei o teu nome nos meus sonhos...

Abraço-te,
Damien disse…
Em Setembro encontrei uma vida em ti...

Abraço-te,
Anónimo disse…
Tu vieste o fogo então reanimou-se
e eu senti-me leve.
Avançava ganhava espaço e tempo
Caminhava para ti.

A vida tinha um corpo.
Se o discurso da existência não tivesse sido reduzido a um dispiciendo amo/não-amo, seria de lembrar o do Humpty-Dumpty(atrás do espelho); é republicano?
Damien disse…
Benvindo ao Antimatter, Pirata Vermelho.

Não sou republicano.

Mensagens populares deste blogue

Lua em branco

Deslamento

Quatro