Toque de fogo



Uns corpos são como flores, outros como punhais, outros como linhas de água; mas todos, mais cedo ou mais tarde, serão queimaduras que com outro corpo se expandem, convertendo pelo fogo uma pedra num homem.

Comentários

Maria disse…
Enamorei-me. Então decidi escrever um pequeno livro sobre o amor que, partindo da conexão íntima entre os três domínios - o sexo, o erotismo e o amor - fosse uma exploração do sentimento amoroso. Tomei alguns apontamentos.

Para mim a poesia e o pensamento são um sistema de vasos comunicantes. A fonte de ambos é a minha vida: escrevo acerca do que vivi e vivo. Viver é também pensar e, às vezes, atravessar a fronteira na qual pensar e sentir se fundem: a poesia.

A chama é «a parte mais subtil do fogo, que se eleva e levanta ao alto em forma de pirâmide». O fogo original e primordial, a sexualidade, levanta a chama rubra do erotismo e esta, por sua vez, sustém e ergue outra chama, azul trémula: a do amor. Erotismo e amor: a chama dupla da vida.

Octávio Paz in, A Chama Dupla - Amor e Erotismo

Amo-te,
Damien disse…
Inflama-me, poente: faz-me perfume e chama;
que o meu coração seja igual a ti, poente!
descobre em mim o eterno, o que arde, o que ama,
...e o vento do esquecimento arraste o que é doente!

[J.R. Jiménez]

Muito,

Mensagens populares deste blogue

Verdade

Limpeza

Do meu universo