Profundo




Acaso foi uma ilusão alimentada por um profundo desejo, ou foi um renascer real?
Apareceste uma noite. Caminhaste para mim, como se estivesses a andar sobre um lago… Mais tarde, irias inclinar-te sobre mim como se o meu corpo fosse o início do teu destino; e eu olhava-te como milagre.

Tu inclinavas-te mais e mais… e tanto te inclinaste que toda a tua vida se imprimiu na minha.

Comentários

Maria disse…
à luz que nasce da roupa,
e os substantivos perfeitos respirem uns dos outros na têmpera
e frescor da língua indestrutível,

e então estendo por ti acima o melhor do meu braço,

se é que posso fulgurar,

e enquanto crio, cria-me, e cria-te como começo de mim mesmo...

ó
irrepetível, inenarrável, inerente

[Herberto Helder in, A Faca Não Corta O Fogo]

Em ti.
Tudo,
Damien disse…
Não posso adiar
ainda que a noite pese séculos sobre as costas
e a aurora indecisa demore
não posso adiar para outro século a minha vida
nem o meu amor
nem o meu grito de libertação

Não posso adiar o coração.

[A.R.Rosa]

E mais não adiei.
Tudo,

Mensagens populares deste blogue

Lua em branco

Deslamento

Quatro