Assim vivo



É tranquila a minha vida. Assim como a superfície prateada de um lago, quando tudo permanece quieto e silencioso; ou como um rio, de livre amplitude. Assim vivo, numa combinação selvagem de cores raras, banhadas em luz imortal.

Comentários

Maria disse…
Comi contigo, dormi contigo, o teu corpo não ficou só teu, nem o meu corpo só meu.

Deste-me o prazer dos teus olhos, do rosto, da carne ao nos cruzarmos...

Eu sou quem deve cuidar de te não perder para sempre.

[W. Whitman]

Contigo, sempre.
Tudo,
Damien disse…
Abrindo o ar
com o corpo num só golpe

Soltas,
viando
até chegar ao fim

Dizem-nos:
que nos limitemos ao espaço

Mas nós voamos
também
debaixo de água

Nós somos os anjos
deste tempo

[M.T.Horta]

Sim, somos assim.

Mensagens populares deste blogue

Lua em branco

Deslamento

Quatro