A vida do homem



A vida. O destino de cada homem, ao contrário do que dizem e pensam, a sua natureza não é de leis firmes e de decretos imutáveis; não há lições a aprender, não é tarde demais, não precisamos do vento para avançar. Não precisamos de implorar, não precisamos que nos sintam pena; cada década aumenta-nos a persistência, amadurecemos dificuldades.

Eu não conheço regras por que me movo ou permaneço, eu não reconheço o desespero, eu não assisto em silêncio. A minha vida não é um resultado de algo solicitado.

Comentários

Maria disse…
No fundo, a sabedoria do destino é a nossa própria.

Podemos estar sujeitos a algumas tentações mas nunca nos enganamos. Agimos sempre no sentido do destino. As duas coisas formam uma só.

Quem se engana é porque ainda não compreende o seu destino.

Cada vida é aquilo que devia ser.

[Cesare Pavese, in 'O Ofício de Viver']

A minha é tudo o que quero.
Contigo,
Damien disse…
Nos teus olhos eu li,
a verdade que sentira
no teu rosto entendi a madureza
que trazes em ti
na tua boca o beijo pressentido
que o timbre da palavra
deixou em mim

[Angela Santos]

Tudo o que quero, em ti.
Contigo,

Mensagens populares deste blogue

Lua em branco

Deslamento

Quatro