E tudo mais



A vida? Ainda por nascer; cumprimentamos a luz com um sussurro, como se a manhã anunciasse uma tarde nebulosa; Chorar, dormir e chorar de novo entre sorrisos solares; e mais? E crescemos em ritmo acelerado, sorrimos adultos apesar das desgraças. Aumentados pela força do que se sente; orgulhosos ao olhar o outro; e mais?

E então, finalmente, completos; amamos apaixonadamente, ardemos; reunimos fortuna e pão; e mais?

Comentários

Maria disse…
amo-te e digo-te
amo-te e quero-te

para além da morte
na vida

estou sempre à tua espera para te amar

e dizer

tu és o meu nome o meu fim

[A.Gancho]

Tudo, muito.
Tua,
Damien disse…
Em todas as ruas te encontro
em todas as ruas te perco
conheço tão bem o teu corpo
sonhei tanto a tua figura
que é de olhos fechados que eu ando
a limitar a tua altura
e bebo a água e sorvo o ar
que te atravessou a cintura
tanto tão perto tão real
que o meu corpo se transfigura
e toca o seu próprio elemento
num corpo que já não é seu
num rio que desapareceu
onde um braço teu me procura

[Mário Cesariny]

Em toda a vida te encontro.

Mensagens populares deste blogue

Lua em branco

Deslamento

Quatro