Partida



Estive adormecido tempo demais. Depressa, o amor chegou atrasado! Errante, sozinho, não sabemos de onde. O fim do Verão, como um sonho encontrado, é alterado. Ouço as suas asas ao pousar, o respirar profundo junto a mim; no bater de coração, ouvimo-nos partir.

Comentários

Maria disse…
Virás
como um sopro, uma leve
palpitação da carne, um arrepio
na pele encrespada
do desejo. Dirão
alguns que é primavera e o vento
arredonda a saia
das árvores. Eu digo
que é verão e foi
o amor que chegou.

[Albano Martins]

E eu contigo.
Assim mesmo e tudo muito,
Damien disse…
Como lábio que suplica outro lábio,
como pequena e branca chama
de silencio,
como sopro obscuro do primeiro crepúsculo,
sei que estou vivo,
vivo sobre o teu peito,
sobre os teus flancos,
e cresço para ti.

[E.de Andrade]

E cresço contigo.
Assim mesmo,

Mensagens populares deste blogue

Verdade

Limpeza

Lua em branco