Silêncio II



Encontraram-se em silêncio, olhos nos olhos, emocionados perante a sua história; o tempo traçou o caminho correcto, cada mensagem escrita a prata nas folhas, em campos de sombra e brilhante escuridão.

Mesmo na ausência da luz pressentiu-lhe o sorriso e agarrou o seu abraço. Dois seres em silêncio e uma lição repetida; encontram-se e misturam-se como se encontram luz e sombra.

Comentários

Maria disse…
"Chegas e rodeias-me de sombra e tornas-me luminoso e inundas-me. Enlaço-me no teu corpo pendente até aos teus pés, na noite terrestre que te segue. Enlaço-me a um sentir que nasce sem cessar e nos envolve, a esta luminosa ligação da minha vida: a tua existência." F.M.

Sim, a tua existência.
Contigo,
Damien disse…
Tu inclinavas-te mais e mais… e tanto te inclinaste que toda a tua vida se imprimiu na minha.

Sim, a tua vida.
Contigo,

Mensagens populares deste blogue

Lua em branco

Deslamento

Quatro