Alarme



O amanhecer avança por entre campos e montes de feno, pequenos pássaros sorriem na sua direcção e poisam nos seus braços. Consigo leva uma faca, mas não para ferir a vida acordada. "É dia." Algo novo e estranho.

Na cidade, um animal ferido que coxeia para esconder a caçada mal sucedida rouba em ruas de arcos doentios.

Comentários

Maria disse…
Aspectos perdidos
pequenas sombras em redor de poderosa imagem.

Aquilo que
distingue a palavra ave da palavra pássaro.

João Miguel Fernandes Jorge

Beijo-te,
Damien Hamson disse…
"Sê paciente; espera
que a palavra amadureça
e se desprenda como um fruto
ao passar o vento que a mereça."

[Eugénio de Andrade]

Beijo-te,

Mensagens populares deste blogue

Verdade

Limpeza

Lua em branco